27.1.12

Via Simplypix

"Aquilo que o coração amou fica eterno."

Adélia Prado

Via Palavras & Essências

 

A diferença se encontra no lugar onde os olhos são guardados. Se os olhos estão na caixa de ferramentas, eles são apenas ferramentas que usamos por sua função prática. Com eles vemos objetos, sinais luminosos, nomes de ruas – e ajustamos a nossa ação. O ver se subordina ao fazer. Isso é necessário. Mas é muito pobre. Os olhos não gozam… Mas, quando os olhos estão na caixa dos brinquedos, eles se transformam em órgãos de prazer: brincam com o que vêem, olham pelo prazer de olhar, querem fazer amor com o mundo.
Rubem alves -trecho

Via Palavras & Essências

Medo

 

O medo é o oposto do Amor. Onde houver amor não haverá medo
e onde há medo falta Amor.
Busquemos em nós e nas nossas relações o fortalecimento da fé, que nos
levará ao Amor Universal e reduzirá o nosso medo.
A confiança deve ser fortalecida na fé, no trabalho, na caridade,
no entendimento. Não há milagre, há apenas a vontade de caminhar em
direção a luz, vencendo as nossas próprias barreiras e limitações.
Somos reflexo daquilo que criamos para nós. O que estamos alimentando?
Tudo que alimentarmos crescerá e prosperará dentro de nós.
Vamos alimentar conscientemente a Luz e o Amor tão divulgado no Evangelho
do Mestre Jesus. Nós podemos alimentar o que quisermos, portanto
a nossa vontade comanda a nossa co-criação.
Sejamos luz para que possamos irradiar Amor, Força, Fé,
Caridade e Evolução!

Do livro Gotas de Paz

Dieta da alegria

Não se esconda. A vida está aí para todos em igualdade de condições, sem distinção de qualquer espécie: seja de raça, cor, sexo, religião, opinião política ou de outra natureza.

Todos os homens nascem livres e iguais.

E isso vale para você que está lendo isso neste momento!
Portanto, não conspire contra você. Seja seu maior e mais forte aliado.

Não guarde mágoas. Guarde lembranças.
Não chore lembranças. Recorde alegria.
Não viva do passado. Aproveite o presente.
Não fuja do agora. Prepare o amanhã.

Você pode e deve escolher o roteiro da sua vida.
Apague o que já passou e não retorna mais.

Não perca tempo com águas que já passaram...
elas não movem moinho!

Refaça seu acervo de lembranças:
As más relegue ao esquecimento.
Às boas dê ainda mais brilho.

Faça a dieta da alegria:
Um sorriso a cada manhã;
Um agradecimento ao final do dia.

(Autor desconhecido)

Sonhe!

 

Conhece a fábula da cenoura presa ao cavalo? Ao vê-la em sua frente - pendurada em um pedaço de pau amarrado sobre as costas do animal -, o cavalo avança sempre, para alcançá-la! O truque é mantê-la presa sempre à distância para que ele nunca pare de sonhar em abocanhá-la!

E assim ele vai indo sempre cada vez mais longe...

Assim é o sonho.

Todos nós precisamos de alguma coisa pela qual valha a pena lutar.
O sonho transforma as pessoas de observadores a participantes ativos da vida.

Deixamos de seguir ao sabor do vento.

Nosso sonho passa a ser "o" nosso caminho com muito mais chances de sucesso!

Portanto, ouse sonhar. Acredite e trabalhe para que ele se realize. Faça isso sem prensar em problemas ou obstáculos.

A história está aí cheia de exemplos de homens e mulheres que enfrentaram dificuldades, mas - mesmo assim - alcançaram o sucesso.

A diferença é que eles não desistiram, não pararam no meio do caminho. Isso se chama ação e fé!

"Impossível"! Descarte essa palavra do seu dicionário.

Faça correções de curso se assim for preciso. Isso é normal.

O sonho vai lhe dar razão para prosseguir, um caminho a seguir, um alvo a alcançar.

Lembre-se sempre o que dizia o poeta Mário Quintana: "Sonhar é acordar-se pra dentro".

(Autor desconhecido)

Love cats

c-h-a-o-s:<br /><br />Juci (by Mano82)<br />

humanerror:<br /><br />Фото и рисунки, арт и креативная реклама<br />

habitualbliss:<br /><br />Oh how I love a cloudy day at the beach…<br />

habitualbliss

24.1.12

Via Blogdolilases

Elegância

Existe uma coisa difícil de ser ensinada e que, talvez por isso, esteja cada vez mais rara: a elegância do comportamento.

É um dom que vai muito além do uso correto dos talheres e que abrange bem mais do que dizer um simples obrigado.

É a elegância que nos acompanha da primeira hora da manhã até a hora de dormir e que se manifesta nas situações mais prosaicas, quando não há festa alguma nem fotógrafos por perto.

É uma elegância desobrigada.

É possível detecta-la nas pessoas que elogiam mais do que criticam, nas que escutam mais do que falam. E quando falam, passam longe da fofoca, das pequenas maldades ampliadas no boca a boca.

É possível detecta-la nas pessoas que não usam um tom superior de voz ao se dirigir a frentistas, nas pessoas que evitam assuntos constrangedores porque não sentem prazer em humilhar os outros.

É possível detecta-la em pessoas pontuais.

Elegante é quem demonstra interesse por assuntos que desconhece, é quem presenteia fora das datas festivas, e, ao receber uma ligação, não recomenda à secretária que pergunte antes quem está falando e só depois manda dizer se está ou não está.
Oferecer flores é sempre elegante.

É elegante você fazer algo por alguém e este alguém jamais saber disso...
É elegante não mudar seu estilo apenas para se adaptar ao outro.
É muito elegante não falar de dinheiro em bate-papos informais.
É elegante o silêncio, diante de uma rejeição.

Sobrenome, jóias e nariz empinado não substituem a elegância do gesto.
Não há livro que ensine alguém a ter uma visão generosa do mundo.

É elegante a gentileza...
Atitudes gentis, falam mais que mil imagens.
Abrir a porta para alguém... é muito elegante.
Dar o lugar para alguém sentar... é muito elegante.
Sorrir sempre é muito elegante e faz um bem danado para a alma...
Olhar nos olhos ao conversar é essencialmente elegante.

Pode-se tentar capturar esta delicadeza pela observação,
Mas tentar imita-la é improdutiva.

A saída é desenvolver a arte de conviver, que independe de status social: é só pedir licencinha para o nosso lado brucutu, que acha que "com amigo não tem que ter estas frescuras".

Educação enferruja por falta de uso. E, detalhe: não é frescura.

(Martha Medeiros)

Foi num longo bate papo entre mulheres que descobri que é fácil classificá-las por seu valor:
Cara é a mulher que quando a vida lhe deu um limão fez logo
a limonada. Uma jarra enorme, gelada e adoçada.
Barata é a que ficou azeda.
Cara é a mulher que diante dos sonhos desfeitos, reorganizou-os como pode, juntou caquinhos no chão, catou migalhas,
mas se refez.
Mulher barata é a que manteve sonhos extintos, virou o
pesadelo dos que a cercam e nunca acordou.
Cara é a mulher que descobriu seu corpo, apaixonou-se pelos
seus defeitos e aprendeu a exibir-se com a maestria de quemé segura de seu poder.
Barata é aquela que nem sabe como é, não ousou se conhecer
e vive tentando se esconder.
Mulher cara tem brilho nos olhos.
Barata só tem rugas.
Cara é a mulher que saiu a luta, foi ao fundo do poço e…voltou!
Barata é quem vive nas bordas, dependurada, sem coragem de
se soltar.
Cara é a mulher que muda de casa, de cidade, de país, de marido,
de namorado, de emprego quantas vezes for preciso mas semantém fiel aos seus princípios.
Barata até muda, mas só a casca. Por dentro mantém as paredes
rachadas, o relacionamento falido, o fracassado passado.
Cara é a mulher que tem assunto: Fala de política, moda, cozinha
e amor com a mesma desenvoltura.
Barata só fala dos outros, porque de si mesma nada tem de
interessante para contar.
A mulher cara ri a toa, é feliz com o que tem, e de tão bem
humorada ri até de si mesma.
A mulher barata é carrancuda. Reflete por fora o que realmente
é por dentro, não sorri…finge.
Mulher cara tem amigos. Muitos. Verdadeiros e pela vida inteira.
Amigos que a admiram e defendem até debaixo d’água.
A barata tem conhecidos. Gente que foge como o diabo da cruz
, mas que quando não tem jeito…a aturam.
A cara é desprendida e solta.
A barata é pegajosa.
Mulher cara tem preço sim e sabe disso. É rara no mercado.
Mulher barata tem aos montes. Pilhas, lotes, containers lotados!

Karina Jatobá

Não apresse

Não apresse a chuva, ela tem seu tempo de cair e saciar a sede da terra.

Não apresse o pôr do sol, ele tem seu tempo de anunciar o anoitecer até seu último raio.

Não apresse a sua alegria, ela tem seu tempo para aprender com a sua tristeza.

Não apresse seu silêncio, ele tem seu tempo de paz após o barulho cessar.

Não apresse seu amor, ele tem seu tempo de semear mesmo nos solos mais áridos do seu coração.

Não apresse sua raiva, ela tem seu tempo para abrir-se nas águas mansas da sua consciência.

Não apresse o outro, pois ele tem seu tempo para florescer.

Não apresse a si mesmo, pois você precisa de tempo para sentir a sua própria evolução.

(Autor desconhecido)

Segredo

“Há pessoas que mantém o caminho da excelência muito claro em suas mentes. Nada pode bloquear a passagem deles porque eles têm direito à vitória. Todo o dia é como se eles removessem  a camada de neve que cobre o caminho.  Enquanto caminhando eles nunca se abalam ou abalam os outros. Eles olham para o alto. Eles mantêm Deus à frente e ao lado. Eles só tomam o único suporte do único Pai. Eles aprenderam que a arte mais importante é colocar um ponto final no passado. O segredo, segundo eles, é ver tudo como um grande jogo e se divertir.”

BK David

Via Silvia Rita

Silêncio

“Silêncio é como uma universidade e um hospital, ao entrar você aprende e é curado. Silêncio é um lugar onde eu posso me retirar, buscar o que já existe dentro e me reabastecer. Em silêncio posso sentir paz, amor e felicidade. Silêncio cria uma felicidade interior que acalma e sustenta, diferente da felicidade que vem de fora que é frenética e acaba rapidamente. Hoje, procure retirar-se para desfrutar alguns momentos de silêncio. Se não for possível parar com sua atividade e ir para um lugar silencioso, lembre-se: o silêncio começa na mente. Retire-se das coisas que estão acontecendo externamente, observe-se para aprender e para curar-se.”

365 beautiful thoughts, Brahma Kumaris, Canada (texto adaptado)

Via Silvia Rita

20.1.12

Pinned Image

Pinterest

Fofo

Pinned Image

Pinterest

Pinned Image

Pinterest

Mensagem (Chico Xavier)

 

Pinned Image

Quando você conseguir superar
graves problemas de relacionamentos,
não se detenha na lembrança dos momentos difíceis,
mas na alegria de haver atravessado
mais essa prova em sua vida.
Quando sair de um longo tratamento de saúde,
não pense no sofrimento
que foi necessário enfrentar,
mas na bênção de Deus
que permitiu a cura.
Leve na sua memória, para o resto da vida,
as coisas boas que surgiram nas dificuldades.
Elas serão uma prova de sua capacidade,
e lhe darão confiança
diante de qualquer obstáculo.
Uns queriam um emprego melhor;
outros, só um emprego.
Uns queriam uma refeição mais farta;
outros, só uma refeição.
Uns queriam uma vida mais amena;
outros, apenas viver.
Uns queriam pais mais esclarecidos;
outros, ter pais.
Uns queriam ter olhos claros;
outros, enxergar.
Uns queriam ter voz bonita;
outros, falar.
Uns queriam silêncio;
outros, ouvir.
Uns queriam sapato novo;
outros, ter pés.
Uns queriam um carro;
outros, andar.
Uns queriam o supérfluo;
outros, apenas o necessário.
Há dois tipos de sabedoria:
a inferior e a superior.
A sabedoria inferior é dada pelo quanto uma pessoa sabe
e a superior é dada pelo quanto ela tem consciência de que não sabe.
Tenha a sabedoria superior.
Seja um eterno aprendiz na escola da vida.
A sabedoria superior tolera;
a inferior, julga;
a superior, alivia;
a inferior, culpa;
a superior, perdoa; a inferior, condena.
Tem coisas que o coração só fala
para quem sabe escutar!

Pinned Image

As pessoas têm estrelas que não são as mesmas.
Para uns, que viajam, as estrelas são guias.
Para outros, elas não passam de pequenas luzes.
Para outros, os sábios, são problemas.
Para o meu negociante, eram ouro.
Mas todas essas estrelas se calam.
Tu porém, terás estrelas como ninguém...
Quero dizer: quando olhares o céu de noite,
(porque habitarei uma delas e estarei rindo),
então será como se todas as estrelas te rissem!
E tu terás estrelas que sabem sorrir!
Assim, tu te sentirás contente por me teres conhecido.
Tu serás sempre meu amigo (basta olhar para o céu e estarei lá).
Terás vontade de rir comigo.
E abrirá, às vezes, a janela à toa, por gosto... e teus amigos ficarão espantados de ouvir-te rir olhando o céu.
Sim, as estrelas, elas sempre me fazem rir!

Antoine de Saint-Exupéry

COMO CONVIVER COM PESSOAS TÓXICAS E SAIR LEVE DESSES ENCONTROS

 

As pessoas tóxicas jogam jogos para roubar a energia que você tem de utilizar para realizar seus sonhos e metas, assim como para viver em harmonia consigo mesmo e com os demais tirando a paz, que é sua por direito, de experienciar e viver.
As pessoas tóxicas, não sabem que são tóxicas - estão doentes e adoeçem aos demais, porem não tem consciência de seu grau de toxicidade.
As pessoas tóxicas falam o tempo todo, não valorizam o silêncio, a meditação, a oração - não podem faze-lo porque, como tóxicos, necessitam desesperadamente da energia que você proporciona para que suas vidas possam ter algum sentido e, se você joga o jogo, elas se energizam às suas custas e você cairá completamente desfalecido devido a um intercâmbio energético completamente inadequado e inútil, para a evolução e crescimento pessoal de todos os envolvidos.
Você saberá se está com pessoas tóxicas quando a conversa se baseia em desqualificar, criticar, aberta ou sutilmente, as pessoas presentes ou ausentes, de tal forma a minar a autoestima e o valor da pessoa, pelo menos para o conceito e forma de ver a vida do outro que, obviamente, nao coincide de maneira alguma com a sua visão.
As pessoas tóxicas não gostam de aprender através dos demais já que, para eles, não há nada que precisem assimilar; em suas mentes pensam que são os outros que tem de aprender com elas, mesmo quando vivem vidas miseráveis.
As pessoas tóxicas querem harmonia, felicidade, prosperidade e saúde, discutindo, provocando conflitos, falando da infelicidade que as circunstâncias externas provocam em suas vidas, da escassez, da morte, da obscuridade, sem entender que existe apenas um caminho para a evolução pessoal que é através da luz, da boa vontade e do reconhecimento humilde dos erros cometidos para que possam ser corrigidos, dentre outras coisas...
Todos convivemos com pessoas tóxicas, e analisar o grau de toxicidade que nós temos em nossos modelos mentais e de comportamento interpessoal, na maioria das vezes, isto constitui um ponto cego.... é compreender que não temos consciência de que estamos de alguma outra forma contaminados.
Porém, é muito fácil para você saber se está contaminado, observando os sintomas da enfermidade espiritual:
- Perda da paz interior
- Discussões acaloradas fora de todo contexto racional e das boas maneiras.
- Incômodos físicos, dores de cabeça, dores musculares, dores de estômago, enfim, qualquer dor em seu corpo está indicando a desconexão da fonte adequada de energia e a conexão à uma fonte altamente tóxica para sua saúde.
Existem tipos distintos de pessoas tóxicas e graus de toxicidade:
- Os Intimidadores: são as pessoas que discutem, sempre querem ter razão, ameaçam, ofendem verbalmente e, no pior dos casos, partem para a agressão física.
- Os Distantes: te ignoram, te transformam numa pessoa absolutamente invisível, você simplesmente não existe. E, através de uma atitude maquiavélicamente premeditada, te faz sentir um zero à esquerda. Essa é a idéia: roubar sua atenção e energia.
- Os interrogadores: são os críticos audazes disfarçados no que, na atualidade, se denomina "crítica construtiva" porém, no fundo, são habilidosos em destruir pouco a pouco através de um questionamento incessante sobre sua conduta, atos e maneira de ser para roubar sua energia e fazer com que perca o valioso tempo para onde se deve focar na realização de suas metas e objetivos importantes, fazendo com que pareçam irrelevantes, quando realmente não são.
- Os "Pobre de mim..." (vítima) - São aqueles que desde que chegam a um encontro ou reunião, nao fazem outra coisa a não ser se lamentar de uma situação pessoal, ou do país, das condições do clima, da economia, dos pobres, dos ricos, do que seja! A idéia, neste caso, é fazer com que você se sinta culpado com sua felicidade e que não se importa com a realidade alheia ( a deles...). Demonstram um estado mental de pobreza e insegurança, impotência diante da vida e das circunstâncias, que não são capazes de assumir em sua totalidade, buscando atenção e carinho, deixando o ouvinte completa e absolutamente sem energia para desfrutar, viver e compartilhar de maneira natural, através de uma troca saudável, construtiva e edificante.
A forma que temos para sair vitoriosos desses encontros tóxicos, é estarmos preparados mentalmente para entender, e compreender, quais são os jogos que estão, ou estamos, jogando e decidir se participaremos ou não.
Assim, cairemos, ou não, em tentação com suas terríveis consequências.
Temos de entender que nossa paz é assunto nosso e não dos demais, que para discutir é preciso duas pessoas e que, no pior dos casos, se sentir que caiu involutariamente em algum jogo, tomar consciência e sair dele o mais rápido possível com a finalidade de melhorar sua energia e a qualidade do encontro, assim como pedir desculpas, ou perdão, diante de algum impropério ou imprudência, se faz preciso para agir com base na boa conduta e costumes de pessoas civilizadas em uma comunidade que quer prosseguir crescendo e evoluindo em conjunto e fazer dos encontros momentos especiais para a vida e para a boa recordação de momentos compartilhados.
Maria Tirone
Personal Coach
Mistico & Empresarial

O peso que a gente leva

 

Olho ao meu redor e descubro que as coisas que quero levar não podem ser levadas. Excedem aos tamanhos permitidos. Já imaginou chegar ao aeroporto carregando o colchão para ser despachado? As perguntas são muitas... E se eu tiver vontade de ouvir aquela música? E o filme que costumo ver de vez em quando, como se fosse a primeira vez? Desisto. Jogo o que posso no espaço delimitado para minha partida e vou. Vez em quando me recordo de alguma coisa esquecida, ou então, inevitavelmente concluo que mais da metade do que levei não me serviu pra nada. É nessa hora que descubro que partir é experiência inevitável de sofrer ausências. E nisso mora o encanto da viagem. Viajar é descobrir o mundo que não temos. É o tempo de sofrer a ausência que nos ajuda a mensurar o valor do mundo que nos pertence. E então descobrimos o motivo que levou o poeta cantar: “Bom é partir. Bom mesmo é poder voltar!” Ele tinha razão. A partida nos abre os olhos para o que deixamos. A distância nos permite mensurar os espaços deixados. Por isso, partidas e chegadas são instrumentos que nos indicam quem somos, o que amamos e o que é essencial para que a gente continue sendo. Ao ver o mundo que não é meu, eu me reencontro com desejo de amar ainda mais o meu território. É conseqüência natural que faz o coração querer voltar ao ponto inicial, ao lugar onde tudo começou. É como se a voz identificasse a raiz do grito, o elemento primeiro. Vida e viagens seguem as mesmas regras. Os excessos nos pesam e nos retiram a vontade de viver. Por isso é tão necessário partir. Sair na direção das realidades que nos ausentam. Lugares e pessoas que não pertencem ao contexto de nossas lamúrias... Hospitais, asilos, internatos... Ver o sofrimento de perto, tocar na ferida que não dói na nossa carne, mas que de alguma maneira pode nos humanizar. Andar na direção do outro é também fazer uma viagem. Mas não leve muita coisa. Não tenha medo das ausências que sentirá. Ao adentrar o território alheio, quem sabe assim os seus olhos se abram para enxergar de um jeito novo o território que é seu. Não leve os seus pesos. Eles não lhe permitirão encontrar o outro. Viaje leve, leve, bem leve. Mas se leve.
Pe. Fábio de Melo

Limite Branco

  &#8220;Passion&#8221; by John Poon :)

 

Fico pensando se viver não será sinônimo de perguntar.
A gente se debate, busca, segura o fato com duas mãos sedentas e pensa:
Achei! Achei!
Mas ele escorrega se espatifa em mil pedaços, como um vaso de barro coberto apenas por uma leve camada de louça.
A gente fica só, outra vez, e tem que começar do nada, correndo loucamente em busca dos outros vasos que vê. Cada um que surge parece o último, mas todos são de barro, quebram-se antes que possamos reformular as perguntas.
E começamos de novo, mais uma vez, dia após dia, ano após ano.
Um dia a gente chega à frente do espelho e descobre:
Envelheci!
Então a busca termina. As perguntas colam no fundo da garganta, e vem a morte.
Que talvez seja a grande resposta.
A única.
Caio Fernando de Abreu

Sexta feira

Pinned Image

Pinterest

19.1.12

Pinned Image

Via Pinterest

Fotos criativas das férias….

Pinned Image

Via Pinterest

hahahaha…ótima

Pinned Image

Pinterest

Sunset & Boys

(via Sunny boy! This lad&#8217;s got a lot of (solar) flair as heatwave brings spectacular sunsets | Mail Online)

Via tinywhitedaiysies

mycutecrush:<br /><br />yup<br />

Via meggielynne

Tirinha

Via Poteussolândia

Love cats

Via Poteussolândia

O alfabeto dos sonhos

 

Avalie todas as estratégias para atingir os seus sonhos.

Busque os caminhos que o levarão até onde eles estão.

Considere o tempo e o nível de esforço que será necessário empreender, bem como os degraus que deverá subir e os obstáculos a serem ultrapassados.

Decida sobre como e onde começar a caminhada.

Enfrente as dificuldades sem receio e não pense em desistir dos seus sonhos.

Família e amigos serão parceiros na sua empreitada.

Ganhar etapas, uma a uma, deve ser sua prioridade a curto prazo.

Habitue-se a imaginar seu objetivo final com frequência, mantendo a prudência e a paciência para dar o próximo passo.

Ignore aqueles que tentam desencorajá-lo.

Jamais confunda desejo com necessidade. Certifique-se, para assegurar-se com certeza daquilo que deseja.

Leia, estude e aprenda sobre tudo o que é importante e que possa contribuir e facilitar o percurso do caminho.

Melhore cada vez mais as suas habilidades. Elas poderão ajudá-lo a encontrar atalhos pelo caminho.

Não tente ganhar tempo ultrapassando etapas. Suba um degrau de cada vez.

Obtenha mais paz e harmonia evitando fontes, pessoas, lugares, coisas e hábitos negativos que só atrapalham.

Prepare-se para as quedas no caminho, o mau tempo e para os momentos em que poderá estar perdido no caminho.

Quem coloca seu coração nos seus objetivos, alcança-os com mais facilidade, pois o resto basta ir levando.

Recomece tudo outra vez, se for preciso, mas, não perca, jamais, os seus sonhos de vista.

Saiba que não basta dizer a si mesmo: “vou conseguir”. É preciso acreditar nisso.

Tenha a certeza de que, com todos esses passos, você vai conseguir chegar onde deseja.

Um pouco de vento, um pouco mais de paciência e muita determinação, e conseguirá realizar os seus desejos.

Você é o único que pode achar que vai ganhar ou perder. A escolha é sua.

Xô para o desânimo e para a acomodação, que tentarão fazê-lo desistir no meio do caminho.

Zele por sua autoestima. Ame-se mais. Você vai chegar lá.

Via Mensagens Diárias

O cachorro e o açougue

 

Um açougueiro estava em sua loja e ficou surpreso quando um cachorro entrou. Ele espantou o cachorro, mas logo o cãozinho voltou. Novamente ele tentou espantá-lo, foi quando viu que o animal trazia um bilhete na boca. Ele pegou o bilhete e leu:

- 'Pode me mandar 12 salsichas e uma perna de carneiro, por favor'.

Ele olhou e viu que dentro da boca do cachorro havia uma nota de 50 Reais. Então ele pegou o dinheiro, separou as salsichas e a perna de carneiro, colocou numa embalagem plástica, junto com o troco, e pôs na boca do cachorro.

O açougueiro ficou impressionado e como já era mesmo hora de fechar o açougue, ele decidiu seguir o animal.

O cachorro desceu a rua, quando chegou ao cruzamento deixou a bolsa no chão, pulou e apertou o botão para fechar o sinal. Esperou pacientemente com o saco na boca até que o sinal fechasse e ele pudesse atravessar a rua.

O açougueiro e o cão foram caminhando pela rua, até que o cão parou em uma casa e pôs as compras na calçada. Então, voltou um pouco, correu e se atirou contra a porta. Tornou a fazer isso. Ninguém respondeu na casa. Então, o cachorro circundou a casa, pulou um muro baixo, foi até a janela e começou a bater com a cabeça no vidro várias vezes. Depois disso, caminhou de volta para a porta, e foi quando alguém abriu a porta e começou a bater no cachorro.

O açougueiro correu até esta pessoa e o impediu, dizendo:

-'Por Deus do céu, o que você está fazendo? O seu cão é um gênio!'

A pessoa respondeu:

- 'Um gênio? Esta já é a segunda vez esta semana que este estúpido esquece a chave!'

Moral da História:

Você pode continuar excedendo às expectativas, mas para os olhos de alguns você estará sempre abaixo do esperado. Qualquer um pode suportar a adversidade, mas se quiser testar o caráter de alguém, dê-lhe o poder.

Se algum dia alguém lhe disser que seu trabalho não é o de um profissional, lembre-se: Amadores construíram a Arca de Noé e profissionais, o Titanic.

Quem conhece os outros é inteligente. Quem conhece a si mesmo é iluminado.
Quem vence os outros é forte. Quem vence a si mesmo é invencível.

(Autor desconhecido)

Elegância

 

Existe uma coisa difícil de ser ensinada e que, talvez por isso, esteja cada vez mais rara: a elegância do comportamento.

É um dom que vai muito além do uso correto dos talheres e que abrange bem mais do que dizer um simples obrigado.

É a elegância que nos acompanha da primeira hora da manhã até a hora de dormir e que se manifesta nas situações mais prosaicas, quando não há festa alguma nem fotógrafos por perto.

É uma elegância desobrigada.

É possível detecta-la nas pessoas que elogiam mais do que criticam, nas que escutam mais do que falam. E quando falam, passam longe da fofoca, das pequenas maldades ampliadas no boca a boca.

É possível detecta-la nas pessoas que não usam um tom superior de voz ao se dirigir a frentistas, nas pessoas que evitam assuntos constrangedores porque não sentem prazer em humilhar os outros.

É possível detecta-la em pessoas pontuais.

Elegante é quem demonstra interesse por assuntos que desconhece, é quem presenteia fora das datas festivas, e, ao receber uma ligação, não recomenda à secretária que pergunte antes quem está falando e só depois manda dizer se está ou não está.
Oferecer flores é sempre elegante.

É elegante você fazer algo por alguém e este alguém jamais saber disso...
É elegante não mudar seu estilo apenas para se adaptar ao outro.
É muito elegante não falar de dinheiro em bate-papos informais.
É elegante o silêncio, diante de uma rejeição.

Sobrenome, jóias e nariz empinado não substituem a elegância do gesto.
Não há livro que ensine alguém a ter uma visão generosa do mundo.

É elegante a gentileza...
Atitudes gentis, falam mais que mil imagens.
Abrir a porta para alguém... é muito elegante.
Dar o lugar para alguém sentar... é muito elegante.
Sorrir sempre é muito elegante e faz um bem danado para a alma...
Olhar nos olhos ao conversar é essencialmente elegante.

Pode-se tentar capturar esta delicadeza pela observação,
Mas tentar imita-la é improdutiva.

A saída é desenvolver a arte de conviver, que independe de status social: é só pedir licencinha para o nosso lado brucutu, que acha que "com amigo não tem que ter estas frescuras".

Educação enferruja por falta de uso. E, detalhe: não é frescura.

(Martha Medeiros)

18.1.12

breakfastatbergdorfs:<br /><br />:D<br />

Via Simplypix

Sempre!

a-ladys-findings:<br /><br />Smile it’s contagious and warms the soul<br />

Via tinywhitedayses

Pelo mundo

East Coast Zanzibar, Tanzania

East Coast Zanzibar, Tanzania

Saint-Merri, Paris, France

Saint-Merri, Paris, France

Amsterdam, Netherlands

Amsterdam, Netherlands

Covent Garden, London, England

Covent Garden, London, England

Brugge, Belgium

Brugge, Belgium

A restaurant ship in China

A restaurant ship in China

Moscow, Russia

Moscow, Russia

Halong Bay, Vietnam

Halong Bay, Vietnam

Via earthalbum.tumblr

Ops…

8waresocks:<br /><br />猫野郎  同じ色でもばれるぞって猫野郎~<br />

Via Cats Land

Love cats

Via Cats land

Falando de fé

 

Na pequena assembleia de gestantes assistidas pela instituição, naquela tarde fria de inverno, uma se destacava.

Apresentava a barriga enorme, denunciando que logo mais daria à luz. E, contudo, mostrava sinais de inquietação no rosto.

Terminada a aula breve e fraterna, a atendente, que descobrira os traços de angústia naquela companheira, se aproximou, buscando saber das razões.

Foi então que a gestante lhe falou que nos próximos dias deveria ter o seu bebê e que estava apavorada. Durante todo o período da gestação se preparara para ter um parto normal.

Entretanto, há quinze dias, o médico lhe informara, depois de uma ecografia, que seu bebê estava sentado e que somente poderia nascer através de uma cesariana, marcando até a data.

Ela estava com muito medo. Tinha um terrível medo de cirurgia e, depois, ela desejava o parto normal, para poder atender mais cedo e melhor seus outros filhos menores.

A atendente a abraçou e conversou com ela longamente. Recordou-lhe as lições que já haviam tido, ali mesmo, naquela instituição.

Lições que falavam da fé e do poder da oração. Que ela tentasse a oração, que falasse com seu bebezinho, pedindo que ele mudasse a posição.

Que falasse com Jesus, o Médico Divino, suplicando auxílio. A gestante olhou meio desconcertada e perguntou: Mas será mesmo que dará resultado?

Vamos orar juntas, desde agora? Convidou a assistente.

Naquele dia, quando se despediu para ir para casa, a gestante acariciou a barriga com carinho especial e sorriu, dizendo:

Eu vou tentar.

Uma semana depois, ela precisou ser levada às pressas para a maternidade. Na madrugada, a bolsa se rompeu e ela entrou em trabalho de parto, antes da hora assinalada pelo médico para a cesariana.

Ela teve medo. E agora? O que iria acontecer?

Chegando ao hospital, atendida de imediato, foi conduzida à sala de parto.

Para surpresa do médico e alívio da mãezinha, o bebê já mostrava a cabecinha despontando, prestes a nascer.

Entre risos e lágrimas de surpresa, gratidão e alívio, a gestante deu à luz a um belo garoto, por parto normal, sem dificuldades.

* * *

Nunca desacredites do amparo de Deus. Haja o que houver, permanece confiando.

Se tudo estiver contra ti, se o insucesso te ameaçar com o desespero, ainda aí espera a Divina ajuda.

A lei de Deus é de amor. E o amor tudo pode, tudo faz.

Quando pensares que o socorro não te chegará em tempo, se continuares esperando, descobrirás, alegre, que ele te alcançou minutos antes do desastre.

Ora, confia e não deixes de lutar. Deus vela por ti e guarda a tua vida.

Redação do Momento Espírita, com base em fato narrado por voluntária do grupo de gestantes do Centro Espírita Ildefonso Correia (Curitiba/PR), em reunião de avaliação ocorrida em 15.06.2000 e com pensamentos finais colhidos no cap. CXIII, do livro Vida feliz, pelo Espírito Joanna de Ângelis, psicografia de Divaldo Pereira Franco, ed. Leal.

Via Leandra Barbara


Carpe Diem___
Eu não necessito de um
motivo especial para ser feliz.
Felicidades são pedacinhos
de ternuras que colho aqui e ali!
(Cecilia Meireles)

Via Palavras & essencias


"Nossas vidas são como a respiração,
como as folhas que crescem e caem.
Quando realmente entendermos
sobre as folhas que caem
seremos capazes de varrer os caminhos
todos os dias e nos alegrar com nossas vidas
neste mundo mutável."
(Ajahn Chah - 1918/1992 -
monge budista)

Via Palavras & Essencias