25.1.14

O Silêncio

O silêncio é uma forma de bater na porta do salão da verdade. Ele é a base que te prepara para qualquer prática; é o alicerce do edifício da consciência. Tudo o que é belo e verdadeiro nasce do silêncio.

Um instante de silêncio é suficiente para exorcizar todos os demónios, porque os demónios são os nossos pensamentos. Se existe um pensamento compulsivo constantemente a assombrar a sua mente, é porque deu muita atenção a esse pensamento, ou seja, você o alimentou acreditando nele. Mas, ao aquietar a mente, todos os fantasmas desaparecem. Não importa quão antiga seja a escuridão, uma pequena fresta de luz dissipa toda escuridão porque ela é somente a ausência de luz.

O silêncio invoca a luz. Quando a mente se acalma, tudo se acalma.

O preço para a realização espiritual é a solidão. Em algum momento vai ter que encarar-se a si próprio. Por isso é fundamental aprender a ficar sozinho e em silêncio. Você também pode chamar a esta prática, meditação. Mas, eu não quero que se perca no labirinto das ideias e conceitos, na ginástica do intelecto. Permita-se apenas ficar retirado e em silêncio, observando a grama crescer. Abandone toda a pressa e todo o desejo de chegar a algum lugar.

Feche os olhos e focalize no ponto entre as sobrancelhas. Brinque com o cultivar o silêncio.

Sri Prem Baba